Prémios

Prémio Manuel Machado Macedo

A Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cárdio- Torácica e Vascular decidiu instituir o Prémio Nacional "Manuel Eugénio Machado Macedo" no valor de 2500 EUROS, destinado a galardoar o melhor trabalho apresentado nos seus Congressos ou Reuniões Anuais, dentro do âmbito da Cirurgia CárdioTorácica e destinado fundamentalmente a internos e jovens especialistas, até aos 36 anos de idade:

  • O trabalho deve ser original e pode ser constituído por temas de investigação clínica ou laboratorial ou ainda apresentação de séries ou casos clínicos;
  • O trabalho deve ser apresentado pelo próprio, no decurso das sessões da Reunião Anual ou do Congresso da Sociedade;
  • Um Júri especialmente nomeado para o efeito e que deve incluir obrigatoriamente um membro da Direcção e dois Vogais especialistas em Cirurgia Cardio-Torácica será anunciado precedendo a realização de cada um dos eventos;
  • O vencedor e a atribuição do prémio e de um diploma alusivo serão anunciados numa cerimónia protocolar a ser levada a efeito no encerramento da Reunião ou Congresso;
  • O trabalho deverá obrigatoriamente ser publicado na Revista Portuguesa de Cirurgia Cárdio-Torácica e Vascular;
  • O Júri reserva-se do direito de não atribuir o prémio no caso de nenhum dos trabalhos preencher os requisitos de qualidade indispensáveis à sua atribuição.


Prémio João Cid dos Santos

A Sociedade Portuguesa de Cirurgia Cárdio- Torácica e Vascular decidiu instituir o Prémio Nacional "João Cid dos Santos" no valor de 2500 EUROS, destinado a galardoar o melhor trabalho apresentado nos seus Congressos ou Reuniões Anuais, dentro do âmbito da Angiologia e Cirurgia Vascular e destinado fundamentalmente a internos e jovens especialistas, até aos 36 anos de idade:

  • O trabalho deve ser original e pode ser constituído por temas de investigação clínica ou laboratorial ou ainda apresentação de séries ou casos clínicos;
  • O trabalho deve ser apresentado pelo próprio, no decurso das sessões da Reunião Anual ou do Congresso da Sociedade;
  • Um Júri especialmente nomeado para o efeito e que deve incluir obrigatoriamente um membro da Direcção e dois Vogais especialistas em Cirurgia Cardio-Torácica será anunciado precedendo a realização de cada um dos eventos;
  • O vencedor e a atribuição do prémio e de um diploma alusivo serão anunciados numa cerimónia protocolar a ser levada a efeito no encerramento da Reunião ou Congresso;
  • O trabalho deverá obrigatoriamente ser publicado na Revista Portuguesa de Cirurgia Cárdio-Torácica e Vascular;
  • O Júri reserva-se do direito de não atribuir o prémio no caso de nenhum dos trabalhos preencher os requisitos de qualidade indispensáveis à sua atribuição.